quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Altos de La Hoya 2005


Várias lojas na internet anunciavam este vinho por ter recebido 90 pontos do crítico Robert Parker, mas particularmente eu nunca me importei muito com esse tipo de pontuação, mas é inegável que comecei a ficar curioso para prová-lo e assim que apareceu uma boa promoção, aproveitei para comprar uma garrafa.

O Vinho: Altos de la Hoya

Safra: 2005

Uvas: 100% Monastrell

Comentários:
Vermelho sangue, profundo e brilhante com reflexos violáceos e aura levemente alaranjada.

Aromas potentes que lembravam frutas frescas e maduras, hortelã, especiarias e um toque vegetal.

Na boca mostrou-se encorpado, com taninos suaves e acidez correta.

Persistente, deixa um ótimo retrogosto frutado.

No fundo de taça ficaram aromas de frutas maduras com um toque de especiarias e fumaça.

Mesmo tendo recebido uma boa nota de Robert Parker, eu costumo não ficar esperando "milagres" dos vinhos com notas, mas dessa vez eu me surpreendi e gostei muito desta garrafa. Encorpado e equilibrado. Vale a pena provar.

2 comentários:

Nilson Roberto disse...

realmente meu caro, ontem mesmo provei este vinho junto com os confrades da confraria, e pra todos nós foi umas grata surpresa este vinho, eu nem sabia da pontuação do RP de 90 pontos, mas na minha singela avaliação conferi ao vinho 89 pontos, a média de notas do grupo foi 86,7 e foi o segundo melhor vinho da noite.

O Tanino disse...

Olá nilson,

fico contente que voces concordaram com a minha humilde avaliação.

Grande abraço

Jean