terça-feira, 25 de novembro de 2008

Trapiche Roble - Pinot Noir 2007


Desde que comecei a degustar vinhos sempre tive tendência a procurar vinhos potentes, densos e ricos em madeira, porque era um estilo de vinho que me agradava.
Conforme o tempo foi passando fui me apaixonando cada vez mais pelos vinhos mais leves e delicados, como a maioria dos franceses.
Hoje em dia estou em uma fase "pinot noir ". Comprei alguns e estou gostando mais a cada garrafa aberta. Em especial, este Trapiche Roble me chamou bastante a atenção.

O Vinho: Trapiche Roble

Safra: 2007

Uvas: 100% Pinot Noir

Comentários:
Vermelho brilhante, límpido e translúcido.

Aromas refrescantes de média potência que lembram frutas vermelhas frescas, grama molhada, um toque de frutas em compota e vegetal.
Não encontrei grandes informações sobre ele na internet, mas aparentemente não passa por estágio em barricas de carvalho, ou pelo menos não apresentou sinais de tal estágio.

Na boca mostrou-se um vinho leve (como era esperado) mas muito macio com taninos corretos e uma leve acidez que dá um toque refrescante.

Apesar de não apresentar uma grande complexidade aromática, este é um ótimo exemplar de Pinot Noir do Novo Mundo. Recomendo!

2 comentários:

Rafael Loyola disse...

Olá confrade!
E quando custou a garrafa do vinho? Parece mesmo uma excelente pedida!

Um grande abraço,
Rafael (De Vinho em Vinho).

O Tanino disse...

Olá Rafael, este vinho custou cerca de R$35,00 numa loja dos supermercados Extra aqui da minha cidade.

Inclusive estou colocando no meu blog o link do seu, ok?

Grande abraço

Jean